Contributos da gestão visual para análise de tendências

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x14312021010

Palavras-chave:

Análise de Tendências, Gestão visual. Método

Resumo

Este texto, fragmento integrante da investigação de mestrado em andamento, possui como temática central a aproximação teórica-conceitual entre tendências e gestão visual, objetivando qualificar o método de análise de tendências proposto por Dragt (2017) a partir de princípios e ferramentas da gestão visual. Em termos metodológicos, o artigo se desenha nos momentos de conceituar termos importantes por meio da Revisão Bibliográfica, bem como a coleta, redução, categorização e interpretação de dados.  importantes, coleta/redução/categorização e interpretação de dados via Análise Qualitativa de Dados. Ademais, classifica-se o texto como sendo de natureza básica, qualitativa e com objetivos descritivos. Os resultados alcançados demonstram que os princípios e as ferramentas da gestão visual agregam diferentes vantagens ao processo, tais como inovação, agilidade e incentivo a colaboração dos participantes do envolvidos na análise de tendências.

Referências

AMARAL, D. et al. Gerenciamento ágil de projetos: aplicação em produtos inovadores. São Paulo: Saraiva, 2011.

BAXTER, M. Projeto de produto: guia prático para o design de novos produtos. 3. ed. São Paulo: E. Blucher, 2011.

BONA, S. F. Método de Projeto de Coleção em Design de Moda: uma configuração para micro e pequenas empresas. 2019. 136p. Dissertação (mestrado) – Universidade do Estado de Santa Catarina, Centro de Artes, Programa de Pós-Graduação, Florianópolis, 2019. Disponível em: https://www.udesc.br/arquivos/ceart/id_cpmenu/6295/Disserta__o_Sheila_Fernanda_Bona_15816930311845_6295.pdf. Acesso em: 25 jul. 2020.

BUCK, A. Diretrizes para a gestão de tendências: inovação e estética como fundamento para o sucesso profissional/ Alex Buck, Christoph Herrmann, Dirk Lubkovitz. Curitiba: PUCPRESS, 2019.

BURDEK, B. E. Design: história, teoria e prática do design de produtos. São Paulo: E. Blucher, 2006.

CAMPOS, A. Q. Taxonomia dos tipos de tendências: uma proposta concisa. Datjournal Design Art and Technology, v. 5, p. 313-328, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.29147/dat.v5i2.209. Acesso em: 20 jul. 2020.

CAMPOS, A. Q; RECH, S. R. Método para pesquisa de tendências: uma revisão do modelo Futuro do Presente. In: ModaPalavra e-periódico. v. 9, n.17, jan-jun, 2016. Disponível em: https://doi.org/10.5965/1982615x09172016027. Acesso em: 12 jul. 2020.

CAMPOS, A. Q.; WOLF, B. O Conceito de Tendência na Moda: significado, histórico, conotação. ModaPalavra e-Periódico. n.6, n.11, p. 11-30, jul-dez. Dossiê Estudos de Tendências e Branding de Moda, 2018. Disponível em: http://www.revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/11754. Acesso em: 20 jul. 2020.

CASTELLS, M. A Sociedade em rede. 12. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2009.

DENNIS, P.. The remedy: bringing lean thinking out of the factory to transform the entire organization. United States of America: John Wiley & Sons, Inc., 2010.

DRAGT, E. How to research trends: move beyong trend watching to kickstart innovation. BIS Publishers, 2017.

EPPLER, M.; PLATTS, K.. Visual Strategizing: The Systematic Use of Visualization in the Strategic-Planning Process. Long Range Planning, [s.l], v. 42, n. 1, p. 42-74, 19 jan. 2009. Trimestral. Disponível em: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0024630108001180. Acesso em: 26 jul. 2020.

ERNER, G. Sociologia das Tendências. São Paulo: Editora G. Gili, 2015.

FINOCCHIO JÚNIOR, F. Project Model Canvas: gerenciamento de projetos sem burocracia. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.

FLORES, A. M. M. Jornalismo de inovação: os Estudos de Tendências como ferramenta de pesquisa. 2019. 237p. Tese (doutorado) – Universidade Deral de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós Graduação em Jornalismo, Florianópolis, 2019. Disponível em: https://readymag.com/Miuxapop/jornalismo/. Acesso em: 13 jul. 2020.

GALSWORTH, G. Visual Workplace: visual thinking. Portland: Visual-lean Enterprise Press, 2005.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. – São Paulo: Atlas, 2017.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GLOOR, P. A. Coolfarming: turn your great ideas into the big thing. New York, NY, 2011.

GOMES, N. P.; FLORES, A. M. M., COHEN, S. Estudos de Tendências - contributo para uma abordagem de análise e gestão da cultura. In: ModaPalavra e-periódico, v. 11, nº 22, 2018. Disponível em: http://www.revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/11824. Acesso em: 20 jul. 2020.

LEAN ENTERPRISE INSTITUTE, (Comp.). Léxico Lean: glossário ilustrado para praticantes do Pensamento Lean. 2. ed. São Paulo: LEAN INSTITUTE BRASIL, 2007.

MAIOLI, F. M; PRESOTTO, J; PALMA, C. Coolhunting: Métodos e Práticas/ Maioli, Presotto & palma: Milão, 2012.

MARCONI, M. de A; LAKATOS, E. M. Fundamentos de Metodologia Científica. 8° ed. São Paulo: Atlas, 2017.

OSTERWALDER, A; PIGNEUR, Y. Business Model Generation: inovação em modelos de negócios. Atlas Books, 2010.

RAYMOND, M. Tendencias: que son, como identificarlas, en qué fijarnos, cómo leerlas. London: Promopress, 2010.

RECH, S. R.; CARDIM, V.C. O Processo da Pesquisa Qualitativa na Investigação de Tendências. In: Pesquisas em design, gestão e tecnologia de Têxtil e Moda./ Organizadores, Isabel Cristina Italiano ... [et al.] – São Paulo: EACH/USP, 2016.

RECH, S. R. Estudos do Futuro & Moda: uma abordagem conceitual. ModaPalavra e-Periódico. v.6, n.11, p.93-100. jul-dez 2013. Disponível em: http://www.revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/3477. Acesso em: 30 jul. 2020.

RECH, S. R; GOMES, N. P. Anatomia das tendências e o desenvolvimento de produtos de moda. In: 12° Colóquio de Moda – 9° Edição Internacional – 3° Congresso de Iniciação Científica em Design de Moda, 2016. Disponível em: http://www.coloquiomoda.com.br/anais/Coloquio%20de%20Moda%20-%202016/GT/GT04-DESIGN-E-PROCESSOS-DE-PRODUCAO-EM-MODA/GT-04_ANATOMIA-DAS-TENDENCIAS.pdf. Acesso em: 30 jul. 2020.

RECH, S. R; SILVEIRA, I. Abordagem terminológica dos estudos de tendências. Anais... 13° Colóquio de Moda- UNESP Bauru, São Paulo, 2017. Disponível em: https://www.academia.edu/35337128/ABORDAGEM_TERMINOL%C3%93GICA_DOS_ESTUDOS_DE_TEND%C3%8ANCIAS. Acesso em: 14 jun. 2020.

SANCHES, M. C. F. Moda e projeto: estratégias metodológicas em Design. São Paulo: Estação das letras e Cores, 2017.

SANTOS, J. Sobre tendências e o espírito do tempo. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2017.

SILVEIRA, I. Procedimentos metodológicos de pesquisa: ciência e conhecimento. Florianópolis: 2018. (Apostila do Programa de Pós-Graduação em Moda, Mestrado Profissional em Design de Vestuário e Moda, PPGMODA/UDESC).

SEIVEWRIGHT, S. Pesquisa e design. Porto Alegre: Bookman, 2009.

TEZEL, A: KOSKELA, L; TZORTZOPULOS, P. The functions of Visual Management. Salford, UK: International Research Symposium. 2009.

TEIXEIRA, J. M. Gestão visual de projetos: Um modelo que utiliza o design para promover maior visualização ao processo de desenvolvimento de projetos. 2015. 330p. Proposta de Tese (Doutorado em Engenharia de Produção). Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, UFSC. Florianópolis, 2015. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/132982. Acesso em 30 jul. 2020.

TEIXEIRA, J. M. Gestão visual de projetos: utilizando a informação para inovar/ Júlio Monteiro Teixeira. – Rio de Janeiro: Atlas Books, 2018.

TEIXEIRA, J; SCHOENARDIE R.; MERINO, E.. Design Management: management levels and project development relations. In: Proceedings. Design Management: Toward a new era of innovation, Hong Kong, 2011, p. 194-201.

TEZEL, A.; KOSKELA, L.; TZORTZOPULOS, P. The functions of Visual Management. Salford, UK: International Research Symposium. 2009.

TRENDWATCHING. Luciana Stein. Online, 2018. Disponível em: https://trendwatching.com/pt/about/luciana/. Acesso em: 28 jul. 2020.

WEBB, A. The Signals are Talking: why today’s fringe is tomorrow’s mainstream. New York: PublicAffairs, 2016.

ZAMBERLAN, L. et al. Pesquisa em ciências sociais aplicadas/ org. Luciano Zamberlan. – Ijuí: Ed. Unijuí, 2014.

Downloads

Publicado

2021-01-29