Análise ambiental integrada da localidade de sambaqui na microbacia hidrográfica do Rio Sagrado, Morretes (PR)

Autores

  • Cristiane Mansur de Moraes Souza Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Juarês José Aumond Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Alice Garbari Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Samara Braun Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Juliana Pilan Universidade Regional de Blumenau - FURB

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984724616302015143

Resumo

A presente Pesquisa está em curso no contexto da Zona de Educação para o Ecodesenvolvimento (ZEE), localizado na APA de Guaratuba, caracterizada por vasta produção de plantas ornamentais e hortifrutigranjeiros. Valendo-se da importância do planejamento baseado no compartilhamento de sabedorias tradicionais incorporadas ao conhecimento científico, o presente estudo procurou identificar e caracterizar as unidades da paisagem através da elaboração de transectos geoambientais. Os resultados da pesquisa identificaram que a localidade de Sambaqui, situada em área morfologicamente plana e regular, é adequada ao uso e ocupação do solo. Caracterizada como uma das áreas deposicionais de materiais decorrentes das corridas de massa e detrito, Sambaqui sofre com enchentes que alteram a largura e o curso do rio. Com a postura de que é preciso prevenir muito mais do que corrigir, o processo de planejamento implementado segue com diagnóstico e prognóstico que identifica vocações e limitações para o uso do solo e dos recursos naturais. Palavras-chave: Desenvolvimento econômico - aspectos ambientais; Desenvolvimento sustentável; Impacto ambiental; Microbacia hidrográfica do Rio Sagrado – Morretes (PR).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-07-02

Como Citar

SOUZA, C. M. de M.; AUMOND, J. J.; GARBARI, A.; BRAUN, S.; PILAN, J. Análise ambiental integrada da localidade de sambaqui na microbacia hidrográfica do Rio Sagrado, Morretes (PR). PerCursos, Florianópolis, v. 16, n. 30, p. 143-161, 2015. DOI: 10.5965/1984724616302015143. Disponível em: https://www.periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724616302015143. Acesso em: 26 jun. 2022.