Contradições no centro tradicional de Goiânia: usos e transformações no espaço da praça cívica e avenida Goiás

Autores

  • Ivan Oliveira de Grande Pontifícia Universidade Católica de Goiás
  • Deusa Maria Rodrigues Boaventura Pontifícia Universidade Católica de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984724616302015074

Resumo

Este artigo trata das mudanças de usos e transformações físicas da Praça Cívica e Avenida Goiás, ambas no tradicional centro de Goiânia. Ao longo da história da cidade, esses espaços foram alterando suas funções inicias em decorrência não só do crescimento e expansão de Goiânia, como também do deslocamento da população do centro para outros bairros, da popularização desta área e dos novos cenários da atualidade, marcados pelas desigualdades e contradições. A verticalização da paisagem a partir de 1960, o aumento crescente do número de automóveis, a criação de shoppings centers e as intervenções dos anos 1990 também contribuíram para a consolidação deste quadro. Na investigação foram realizadas consultas bibliográfica e documental além de um levantamento fotográfico que revelou as alterações dos usos desses espaços. Palavras-chave: Praças – Goiânia (GO); Planejamento urbano – Goiânia (GO); Avenida Goiás; Centro de Goiânia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivan Oliveira de Grande, Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Paulista (2008), especialização em Gestão de Projetos de Engenharia e Arquitetura pelo Instituto de Pós-Graduação de Goiás – IPOG (2010) e discente do Programa de Mestrado em Desenvolvimento e Planejamento Territorial da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Atua como professor nos cursos de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Paulista (UniP) – Campus Goiânia e no Centro Universitário de Goiás – Uni-Anhanguera.

Deusa Maria Rodrigues Boaventura, Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Católica de Goiás (1986), mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela escola de Engenharia de São Carlos (2001) e doutorado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo (2007). Atualmente é professora adjunto da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC - GO) e Universidade Estadual de Goiás (UEG). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em História da Arquitetura e Urbanismo, atuando principalmente nos seguintes temas: projeto arquitetônico, projeto, arquitetura moderna. Atua também nos programas de mestrado em História e Desenvolvimento e Planejamento Territorial da PUC – GO.

Downloads

Publicado

2015-07-02

Como Citar

DE GRANDE, I. O.; BOAVENTURA, D. M. R. Contradições no centro tradicional de Goiânia: usos e transformações no espaço da praça cívica e avenida Goiás. PerCursos, Florianópolis, v. 16, n. 30, p. 74-98, 2015. DOI: 10.5965/1984724616302015074. Disponível em: https://www.periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724616302015074. Acesso em: 24 maio. 2022.