A multidimensionalidade da imigração boliviana em São Paulo: perspectivas das cadeias globais como estratégia de análise

Autores

  • Magali Alloatti Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984724215282014257

Resumo

O presente artigo pretende analisar diversas dimensões da imigração boliviana e sua inserção nas oficinas clandestinas de costura em São Paulo, a partir da perspectiva das cadeias globais de mercadorias. Utilizando esta estratégia de análise, será possível destacar os diversos níveis e atores econômicos que intervêm nas articulações que fazem parte da cadeia de produção da indústria da confecção e do vestuário. Transita-se por níveis globais, nacionais e locais no intuito de compreender a configuração de nichos econômicos e mecanismos específicos de inserção ocupacional destes imigrantes. Ao mesmo tempo, procura-se reconhecer as complexas relações sociais que contribuem para a reprodução de relações de subordinação e exploração nos espaços das oficinas. Como atributo específico da perspectiva das cadeias globais, tentar-se-á reconhecer a participação de atores institucionais por meio de expressões de governança em diversos níveis desta cadeia. Palavras-chave: Cadeias globais de mercadorias; imigrantes bolivianos; indústria de confecções e vestuário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-07-16

Como Citar

ALLOATTI, M. A multidimensionalidade da imigração boliviana em São Paulo: perspectivas das cadeias globais como estratégia de análise. PerCursos, Florianópolis, v. 15, n. 28, p. 257 - 284, 2014. DOI: 10.5965/1984724215282014257. Disponível em: https://www.periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724215282014257. Acesso em: 5 jul. 2022.