O Criador-intérprete na Dança Contemporânea

Autores

  • Sandra Meyer Nunes

DOI:

https://doi.org/10.5965/2358092501012002083

Resumo

Este ensaio propõe uma reflexão inicial sobre a figura do criador-intérprete na dança moderna e contemporânea. Articulador de várias linhas de pensamento e práticas corporais cria sua assinatura própria nas relações da dança corn outras áreas doconhecimento. Seu processo criativo e investigativo se dá em seu próprio corpo, na busca por novas possibilidades de movimento, tonicidade e dramaturgia corporal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BEFNARD, Michel. Les nouvea ux codes corporels de la danse contemporarne in Pidoux, Jean-Yves. La danse, aftdu yxsiecb. Payot Lausanne. Lausanne, 1990.

BOUCIER, Paul. Hist6ria da DanQa no Oc/dente. Sao Paulo, lVartins Fontes. 1987.

COELHO, Teixeira. Moderno eP6s Moderno. Sao Paulo, L&PlV Editores. 1986.

COPELAND, Roger. Re-Thinking the Thinking Body: The Articulate Mavement of Merce Cunningham. Proceedings of society of Dance History Scholars. Twenty-Second Annual Conference. University of New Mexico.1999.

FEFNANDES. Ciane. PinaBausch e o Wuppertal DanQa Teatra. Repetiqao e Transformaqao. Sao Paulo, Hucitec. 2000.

GARAUDY Roger DanQat aVida. Rio de Janeiro, Nova Fronteira.1980.

GUIRALDELLI JR, Paulo. O Corpo de U/isses. Modernidade e Materialismo em Adorno e Horkheimer, Sao Paulo, Edltora Escuta.1 996.

SASPORTES, Jos6 .Pensar a DanQa. ArefExeo estetica de Mallarmd a Cocfeau. lmprensa Nacional. 1983.

SERVOS, Norbert. Pina Bausch, Dance and Emancipation in CARTER, Alexandra (org.). The Foutledge Dance Studies Reader. New York: Routledge.1998.

STANGOS, Niko. Conceltos da Afte Moderna. Rio de Janelro, Jorge Zahar Editor 1991.

Downloads

Publicado

2013-01-09

Como Citar

NUNES, S. M. O Criador-intérprete na Dança Contemporânea. Revista NUPEART, Florianópolis, v. 1, n. 1, p. 83-96, 2013. DOI: 10.5965/2358092501012002083. Disponível em: https://www.periodicos.udesc.br/index.php/nupeart/article/view/3037. Acesso em: 25 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)