Desarrollo académico y derechos humanos
Desenvolvimento acadêmico e direitos Humanos

Mirta González Suárez

Resumo


La producción académica tiende a ser aceptada como “La verdad” por lo que requiere ser analizada permanentemente considerando especialmente las estructuras autoritarias que la sustentan.La educación tiene una alta  responsabilidad en la transmisión del conocimiento sesgado, por lo que se plantea la tarea de propiciar la develación cotidiana de las teorías y prácticas discriminatorias.  Las teorías expresan una concepción del mundo y del ser humano y dirigen todo el proceso de búsqueda científica, por lo que son la base para la discriminación, autovalidación, culto a la personalidad, manipulación, lenguaje hermético,  mitos, especialidad restrictiva, sesgos, inequidad y  deficiente evaluación de intervenciones. Considerando las debilidades antedichas se plantea la necesidad de fomentar  una revisión histórica del conocimiento asumido y enseñar desde una perspectiva que asuma aspectos tales como: la diversidad, crítica, ética, inclusión, visión holística , transparencia , evaluación y  responsabilidad , estableciendo una relación permanente entre academia y sociedad que lleve a la propuesta de agendas políticas conjuntas en el marco de los derechos humanos.

 

PALABRAS CLAVES: Crítica académica. Derechos humanos y ciencia. Discriminación

  

A produção acadêmica tende a ser aceita como “a verdade”, e requer ser analisada permanentemente considerando as estruturas autoritárias que a sustentam. A educação tem uma importante responsabilidade na transmissão do conhecimento sesgado [enviesado], e deve proporcionar a tarefa de desvelar as teorias cotidianas e as praticas discriminatórias. As teorias expressam uma concepção de mundo e de ser humano e dirigem todo o processo de busca científica sendo a base para a descriminação, a autovalidação, o culto à personalidade, a manipulação, a linguagem hermética, os mitos, a especialidade restrita, o sesgo, a iniqüidade e a deficiente avaliação de intervenções. Considerando estas debilidades mencionadas, se propõe neste artigo a necessidade de fomentar uma revisão histórica do conhecimento assumido e ensinar a partir de uma perspectiva que assuma os seguintes aspectos, tais como: diversidade, crítica, ética, inclusão, visão holística, transparência, avaliação e responsabilidade, etc; estabelecendo uma relação permanente entre a academia e a sociedade, que incorpore as proposta de políticas conjuntas no contexto dos direitos humanos.

 

PALAVRAS CHAVE: Crítica acadêmica. Direitos humanos e ciência. Discriminação.

  

Academic production tends to be accepted as “the truth” and must be continuously analyzed considering the structural authorities that sustain it. Education has an important responsibility in the transmission of biased knowledge and must fulfill the task of unveiling common discriminatory theories and practices. Theories express a concept of the world and the human being and steer the entire process of scientific investigation. They are the basis for discrimination, self-validation, the cult of personality, manipulation, hermetic language, myths, restricted specialties, bias, iniquity and deficient evaluation of interventions.

Considering these debilities, this article proposes that a historic review of assumed knowledge is necessary. It also maintains that education must be based on a perspective that considers factors such as: diversity, critical thinking, ethics, inclusion, a holistic view, transparency, evaluation and responsibility. This will allow establishing a permanent relationship between educational institutions and society that incorporates the proposals for joint policies in the context of human rights.

 

KEY WORDS: Academic criticism. Human rights and science. Discrimination.


Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários
 |  Incluir comentário

Contato:
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED
Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE
Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi
Florianópolis - SC
CEP: 88.035-001
(48) (48) 3664-8585
revistalinhas@gmail.com