[1]
M. R. D. Corrêa e A. Moreira, “Considerações sobre a presença da natureza-morta na arte contemporânea ”, DAPesquisa, vol. 16, p. 01-13, nov. 2021.